Professora denunciada por maus tratos contra animais fala sobre o caso: “Nunca tive tartaruga”

Arquivado em: Policial |

 

A professora Ivanice Mendes, denunciada no início da semana por uma moradora da Avenida Beira Rio, no Centro de Vilhena, de cometer maus tratos contra animais, procurou a redação do Extra de Rondônia na manhã desta quarta-feira, 10, para dar sua versão dos fatos.

Segundo Ivanice, as informações repassadas pela denunciante, de que a mesma havia se mudado a cerca de cinco dias não procede, pois ainda possui pertences na casa, devido estar em processo de mudança.

Com relação aos gatos que estão no local, a professora relatou que não são seus e que devido a mesma possuir alguns bichanos, estes iam a até sua casa e acabavam voltando por sempre ser alimentados por ela, no entanto, são ariscos e não permitem aproximação. “Depois da denúncia infundada da minha ex-vizinha, tentei capturar um dos gatos e acabei sendo arranhada”, relatou Ivanice, mostrando um ferimento em uma das mãos.

“Tenho vários animais e jamais maltratei nenhum, mesmo não sendo meu. Todas as manhãs, quando deixo minha filha na escola, passo na casa, que ainda tem várias coisas que estou buscando aos poucos e deixo comida para eles, porém, quando a vizinha acorda, eu já saí do local, pois tenho que trabalhar, por isso ela nunca me vê”, afirmou Ivanice.

Quando questionada sobre o crime de captura de animal silvestre relatado no boletim de ocorrência da denúncia, que afirma a presença de uma tartaruga na casa, a professora afirmou se tratar de um jabuti que apareceu em sua rua e que por medo que este fosse atropelado, pegou e alimentou, mas assim que terminasse de se mudar, entregaria ao IBAMA. “Nunca tive tartaruga. Conversei com os policias que confeccionaram o boletim e eles afirmaram que iriam alterar a informação de que não se tratava de uma tartaruga e sim de um jabuti”, concluiu Ivanice.

Por fim, a mulher relatou estar muito triste com as informações repassadas pela denunciante para a Polícia Ambiental, que segundo ela são equivocadas, pois quem a conhece sabe o quanto ela ama animais e que mesmo após o ocorrido, não deixará de alimentar possíveis pets que venham a aparecer em sua nova morada.

Texto e fotos: Extra de Rondônia

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO