Grupo destruiu três casas na sede do retiro

No começo da noite de terça-feira, 23, um grupo de sem-terra, invadiu a Fazenda Nossa senhora Aparecida, na região de Chupinguaia e promoveram destruição.

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, nesta semana a fazenda foi palco de prisão de três policiais militares, suspeitos de fazerem parte de um grupo que fazia segurança armada para o fazendeiro.

A informação ainda dá conta que cerca de 40 policiais participaram da ação ordenada pelo Ministério Público (MP), que além dos militares prenderam três funcionários da fazenda e duas pessoas que prestam serviços ao fazendeiro, além armas e munições.

Contudo, após o cumprimento da ordem judicial, os policiais saírem do município e com isso, o grupo dos sem-terra aproveitaram a situação e invadiram a propriedade tocando o terror, expulsaram o caseiro e colocaram fogo em três casas da sede do retiro, como mostram as imagens abaixo.

Um amigo do fazendeiro disse a reportagem do Extra de Rondônia, “é um absurdo tudo isso, para fazer uma reintegração de posse, garantirem o direito de propriedade e a segurança de trabalhadores honestos e de pessoas de bem, a justiça não pode ir devido a “pandemia”. Mas para prenderem três policiais da região, mandaram um efetivo para Chupinguaia de mais de 40 militares, servidores públicos que nesse caso puderam correr riscos de serem infectados pela Covid-19. Sinceramente, é a banana comendo o macaco. Isto está errado. Temos que nos unir mostrarmos a força do agronegócio. Produzimos alimentos e temos que ser respeitados”, disse o cidadão indignado.

Por outro lado, conversamos com o proprietário ontem à noite. Segundo ele a fazenda possuí interdito proibitório e pedido de reintegração de posse até anteontem antes de prenderem os policiais.

A informação seria que a juíza cancelou a reintegração de posse após o acontecido. A desculpa do Estado para a não reintegração até o ocorrido, era que estávamos em uma situação de pandemia e que não podiam colocar os policiais em risco.

>>>Vídeo abaixo:

>>>>>>>>>>Clique na imagem para ampliar>>>>>>>>>>

https://

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO