Ezequiel “Minduin”, João Pichek, Lauro “Garçom” e Paulo Henrique / Foto: Extra de Rondônia

A comitiva da Câmara Municipal de Cacoal que esteve em Brasília (DF) nesta semana, participando de encontro nacional de parlamentares municipais, fez escala em Vilhena no retorno da viagem, e, neste sábado, 28, visitou a redação do Extra de Rondônia.

João Paulo Pichek (Republicanos), Ezequiel Câmara “Minduin” (PP), Lauro Kloch “Garçom” (PSD) e Paulo Henrique Silva (PTB) estiveram no site. Magnison Mota (PSC) se deslocou direito para Cacoal.

Na ocasião, João Pichek, que é presidente do Poder Legislativo da “Capital do Café”, fez uma prestação de contas da viagem, assim como comentou sobre o papel da Câmara Municipal no cenário político-administrativo da cidade e de seu projeto político para 2.022.

Sobre a viagem, o presidente afirmou que há má-interpretação quanto aos deslocamentos de vereadores para outras praças, como aconteceu desta vez, ocasião em que cinco parlamentares cacoalenses foram à Brasília.

“Não fomos à passeio. O encontro serviu para formação, aprendizado e atualização, sem contar a troca de experiências com outros legisladores de todo o país, o que melhora o nível de atuação de todos nós”, afirmou.

Além disso, ele explicou que todos os integrantes da comitiva tiveram agendas paralelas na capital federal, encaminhando demandas e buscando benefícios para o Município. “Eu mesmo tive audiência com os senadores Acir Gurgacz (PDT) e Confúcio Moura (MDB), onde tratamos de projetos para a cidade, assim como cadastramos o Legislativo de Cacoal num sistema legislativo que permitirá economia de R$ 37 mil ao ano para nossa Câmara”, destacou.

O presidente também garantiu que a comitiva participou de matéria para a mídia de Goiás, o que garantiu visibilidade para o Município de Cacoal naquele estado, fazendo propaganda positiva da cidade.

Sobre o momento da Câmara cacoalense no atual cenário administrativo do Município, Pichek acredita que o Legislativo está sendo visto na cidade como um poder autônomo e independente, e, mesmo tendo uma relação harmônica com o Executivo, “não é visto como um ‘puxadinho’ da prefeitura”, frisou o presidente.

Sobre seu projetos políticos, ele confirmou ter sido convidado pelo Republicanos a encampar uma pré-candidatura a deputado estadual, e que está propenso a embarcar na jornada. “Desde muito jovem busco meu espaço na vida para crescer, e na política não é diferente. Fui chamado pelo partido, e se o convite ainda estiver valendo no momento legalmente apropriado para confirmação de candidaturas, sendo essa a vontade do povo de Cacoal, estou disposto a encarar o desafio”, garantiu.

João Pichek, presidente do Poder Legislativo da “Capital do Café” / Foto: Extra de Rondônia
sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO