Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

ladrão-capaA Polícia Militar conseguiu prender na manhã desta sexta-feira, 17, em Campo Novo de Rondônia, os dois últimos integrantes do bando que aterrorizou a cidade na última segunda-feira, e teve um desfecho com oito bandidos mortos em confronto com a polícia. As informações da prisão foram repassadas pela PM no final da manhã desta sexta, após cinco dias de buscas pela região. Duas armas foram apreendidas e parte do dinheiro roubado foi recuperado.

De acordo com o responsável pelo comando da operação de buscas em Campo Novo, Tenente Braguin, informou que dois suspeitos foram presos dentro de uma residência na rua Castelo Branco em Campo Novo. A casa onde os suspeitos estavam se homiziando pertence a um casal que também foi preso por tentar esconder a dupla. Os suspeitos estavam armados com um revólver e uma pistola. Uma boa quantia em dinheiro também foi apreendida com eles.

Segundo a polícia, os acusados foram identificados como: Rafael Ribeiro dos santos, 21 anos, morador de Porto Velho, que têm passagem por roubo; Jaime Nascimento Castro Filho, 27 anos, morador de Campo Novo. Jaime foi responsável em guiar a quadrilha, pois conhece bem a região e é parente do casal dono da casa onde foram encontrados. O casal foi identificado como, Alex Paulo, 40 anos e Josiane Freitas Castro, 24 anos.

Prisão

Segundo o Tenente Braguin, a Polícia Militar realizou cerco na região de Campo Novo, onde barreiras foram montadas em estradas vicinais e na rodovia que liga até Monte Negro, com o intuito de não deixar que os acusados saíssem da região. Relatou o oficial, que com informações colhidas, a polícia conseguiu monitorar os elementos e chegando até a prisão dos acusados que ocorreu por volta das 09h desta sexta-feira.

Rafael relatou em entrevista que ele e o comparsa passaram quatro dias andando pela mata até chegar na cidade durante a madrugada deste sexta-feira (17), ele disse também que tem uma tatuagem no ombro esquerdo feita por um macumbeiro e que ela lhe da proteção, disse que tem o “corpo fechado”. Disse ainda que o plano frustrado foi comandado pelo suspeito “Baiano”, que foi morto em confronto.

No ombro esquerdo de Rafael tem uma tatuagem de palhaço, que no mundo do crime qualifica o infrator como assaltante de banco ou matador de policia. Todos os presos  foram encaminhados a Delegacia de Polícia de Buritis.

ladrão-1

ladrão-2

ladrão-3

ladrão-3

ladrão-5

ladrão-6

ladrão-7

 

Fonte: Rondôniavip

 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO