covid – 768×90-2

corumbiara e 3 dEm memória aos 20 anos do Massacre de Corumbiara, o município, localizado no Cone Sul de Rondônia, recebe no dia 08 de agosto uma exposição de fotografias em 3D, que abordam o cotidiano da cidade, em seus aspetos urbanos e rurais.

A exposição, chamada ‘Corumbiara 3D”, é realizada pelo grupo de agentes culturais ‘Serpentário Produções’ e conta com patrocínio do Banco da Amazônia e do Governo Federal. De acordo com o idealizador do projeto, o jornalista Flávio Godoi, o evento é uma forma de mostrar a rotina da população 20 anos após o trágico episódio.

“O Massacre de Corumbiara marcou o Estado e o Brasil, e em 2015 completa duas décadas do ocorrido. A exposição tem o objetivo de realçar a dignidade e a confiança da população de Corumbiara mostrando os valores do trabalho individual e coletivo. Além de revelar o espaço em que eles vivem e que às vezes nem se dão conta de sua importância”, explicou Godoi.

O projeto é inédito na região. Ao todo serão 30 fotografias em três dimensões cujos visitantes, que terão entrada franca, vão receber individualmente um óculos 3D para visualizar as imagens. “Desta forma pretendemos gerar perspectivas de futuro para a população que é bastante carente, além de aproximá-los das novas tecnologias como a fotografia 3D”, observou o jornalista.

O Massacre

Com cerca de nove mil habitantes Corumbiara ganhou fama de uma forma pouco amigável com o episódio conhecido como O Massacre de Corumbiara, ocorrido em 9 de agosto de 1995, que em 2015 completa 20 anos. Dezenas de sitiantes foram mortos após intervenções da polícia em conflitos agrários. Desde então o município busca superar o incidente.

Sobre o Serpentário Produções

O Serpentário Produções realiza projetos culturais desde 2009 no estado de Rondônia, na Amazônia Legal. Desde a fundação, o grupo já realizou vários projetos culturais patrocinados pelo Ministério da Cultura, Fundação Palmares, Fundação Nacional das Artes (Funarte) e Banco da Amazônia.

A equipe de produção, formada pelos agentes culturais Flávio Godoi, Andréia Machado, Washington Kuipers e Marcio Guilhermon.

Os projetos realizados pelo Serpentário Produções valorizam as tradições locais e regionais, pois eles proporcionam através do resgate de suas historias, a visão do próprio protagonista da historia da Amazônia Legal. A preservação da memória material e imaterial faz com que as pessoas comecem a produzir mais produtos culturais e mostrasse mais orgulhando de sua historia, de suas manifestações culturais.

O trabalho do grupo Serpentário Produções pode ser acompanhado pela página da internet: https://www.facebook.com/serpentarioproducoes ou http://serpentarioproducoes.blogspot.com.br/ .

A iniciativa inédita será feita em memória aos 20 anos do massacre pelo grupo cultural ‘Serpentário Produções
A iniciativa inédita será feita em memória aos 20 anos do massacre pelo grupo cultural ‘Serpentário Produções

Texto: Assessoria

Fotos: Divulgação

covid – 768×90-1

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO