caetanoDizem os filósofos que Partido é um agrupamento de pessoas que fingem cumprir a filosofia política de seu Estatuto, somado com dizeres de ética, legalidade, moralidade e de interesses voltado para o povo, contudo, querem mesmo é surrupiar o dinheiro público.

O cenário de Vilhena é desolador que fica escancarado com as chuvas que elevam a cidade à condição de município sem planejamento, sem coordenação administrativa e financeira e pior, cuidou apenas dos negócios na atividade pública com fins a locupletar e enriquecer, além do “alcaide” permitiu seu grupelho tomasse conta do dinheiro público.

Com uma saúde agonizante e sem rumo, educação sem qualidade pedagógica, a esperar de agora,  segurança sem medidas para proteger o cidadão e nada de programas para geração de empregos, levando a cidade a índices de desempregos jamais vistos, parece que  nunca foi prática de Rover  “tomar à frente” das coisas,  ficando sempre ao largo, cuidando apenas do foco na mídia.

O negócio público ficou com seus subordinados, ele, rumo à Brasília, nos últimos 7 anos quase  40 vezes, totalizando cerca de 160 dias na Capital Federal, a cidade foi entregue aos bandoleiros, descoberto por ação policial, pois dos R$ 8.220.000,00 (oito milhões, duzentos e vinte mil reais) anuais pertencentes à Câmara Municipal, orçamento de 2016, destinados à manutenção da Casa de Leis que tem função própria e competência de fiscalizar atos e ações do Poder Executivo, propor leis que atendam à população, nada aconteceu, exceto nomes de rua e muita falação, e só.

Rover reuniu ao seu lado, a maioria dos partidos políticos, todos, ávidos por carqos e salários altos ficam a cercear o caixa público. Quem ganhar as eleições passa a receber os mimos  dos partidos sendo sempre premiado seus cardeais. Dane-se os filiados, dane-se filosofia partidária, a ética, a moral e a dignidade da coisa pública.

Com a chegada policial no seio de sua administração, Rover conseguiu uma proeza e a maior delas, despertar saudades no eleitor ao passado. Mesmo que aqueles, detentores de alto teor de corrupção, com prisões, com impedimentos pela justiça eleitoral, o  eleitor desinformado, despreparado, longe da coisa pública, corre o risco de Vilhena venha a receber a visita do Jornal Nacional, estupefato com a notícia de que,  violadores da lei ainda permanecem vivo na vida pública, e pior, com aprovação  popular. Nada me assusta. Até isto Rover conseguiu fazer de mal para a cidade.

caetano

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO