Na tarde da última quinta-feira, 03, visitou a redação do Extra de Rondônia o cantor sertanejo, Alipe, para falar sobre o lançamento da carreira solo e de seus projetos futuros.

De acordo com o sertanejo a separação da dupla se deu porque ambos já não tinham os mesmos projetos. “Mesmo com sete anos de carreira, entramos em comum acordo. Agora com a separação da dupla quero dar sequência em minha carreira musical. Possivelmente em breve teremos músicas novas e mais clipes.”

Alipe enfatiza que o público do Cone Sul pode esperar um pouco mais desta nova jornada. Segundo ele, neste primeiro semestre ainda não há uma música autoral de trabalho, mas o sertanejo promete que no decorrer de 2019 lançará umas cinco músicas e uns dois clipes. “O projeto é produzir tudo até a Expovil, mas caso não dê tempo ficará para o segundo semestre do ano”.

O cantor afirma ainda que nesta nova empreitada os fãs podem contar com uma agenda mais cheia. “Nossa dupla não vinha tendo uma agenda tão frequente de shows. Devido até um certo acomodo. O meu parceiro tinha o próprio negocio e nos dividíamos entre outros afazeres, mas agora com o projeto solo vou me empenhar mais”.

O sertanejo destaca que seu público não precisa se preocupar, pois as músicas que executava com o parceiro, inclusive a de autoria da dupla, continuarão a ser feitas.

Com a agenda lotada neste inicio de semestre, o lançamento da carreira solo está marcado para esta sexta-feira, 04, na Four Pub. E no sábado o cantor se apresenta no Old Ranch.

Para quem quiser contratar o sertanejo, basta entrar em contato através do telefone 9 8102-5929 ou via Instagram e  Facebook.

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia/ Divulgação

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO