União Cacoalense/Foto: Alexandre Almeida

O União Cacoalense foi punido na sexta-feira, 21, com a perda de três pontos e multa de R$ 500 em julgamento realizado no TJD-RO (Tribunal de Justiça Desportiva de Rondônia) pela escalação irregular do lateral-esquerdo Fabinho na partida do último domingo contra o Porto Velho.

No julgamento, a Raposa da BR foi punida por 4 votos a um. No processo nº 013/2021, o União Cacoalense foi punido por infringir o Artigo 214 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva) por incluir na equipe, ou fazer constar da súmula ou documento equivalente, atleta em situação irregular para participar de partida, prova ou equivalente. No último domingo, o Porto Velho venceu o União Cacoalense por 1 a 0 no estádio Aluízio Ferreira, em Porto Velho.

O clube da capital acusa o rival de ter relacionado os atletas Fábio Júnior de Souza Almeida e Maikon Júnior Pereira de forma irregular em virtude dos atletas terem sido punidos com a suspensão de três jogos e multa em julgamento realizado no TJD-RO no último dia 13 de maio em virtude de infração contida no Artigo 214 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva).

De acordo com a súmula do jogo, Fábio entrou aos 34 minutos do segundo tempo. Ainda na oportunidade, a defesa do União Cacoalense solicitou a continuidade do Campeonato Rondoniense e teve seu pedido atendido.

Com isso, o Departamento Técnico da FFER (Federação de Futebol do Estado de Rondônia) aguarda a publicação do acórdão do TJD-RO para poder realizar a definição sobre a sequência da competição estadual. Com a decisão do TJD-RO, o Porto Velho está confirmado na decisão do Campeonato Rondoniense diante do Real Ariquemes.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO