Vereador Luiz Fritz e deputado Neidson / Foto: Divulgação

O deputado estadual Neidson Barrros Soares, o popular Drº Neidson, que tem seu reduto eleitoral o município de Guajará-Mirim, foi criticado na sessão ordinária desta segunda-feira, 24, na Câmara de Cacoal.

O motivo: o parlamentar teria negado apoio após pedido de “socorro” do Legislativo quanto a melhorias na saúde pública desse município.

Ao utilizar a tribuna da Casa, o vereador Luiz Fritz (PSD), informou que pediu à Mesa Diretora que envie ofícios aos 24 deputados estaduais pedindo apoio com relação a melhorias na saúde de Cacoal e chegou à Casa a resposta do deputado Neidson com a seguinte mensagem: “Acusamos o recebimento de vossa senhoria. Porém, não conseguimos atendê-lo. O projeto em questão não prevê destinação de recursos e sim execução direta do Estado”.

A mensagem deixou Fritz indignado e disse que dará a resposta nas eleições de 2022, quando o deputado certamente disputará a reeleição à Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE).

“Não entendi a resposta desse deputado. Só nos atende se precisar recursos, mas fiscalizar, nada. Mas, com certeza, o ano que vem tem eleição e ele vai pedir voto. É médico e não está empenhado na Saúde. Ele deixou claro quando disse que ‘não conseguimos atende-lo’. Fica aqui a minha indignação e em 2022 vamos lhe dar a resposta”, disse.

E complementou: “ele não é da nossa região, mas é deputado estadual de todo o Estado de Rondônia. Nós pedimos ajuda, socorro, para que ele nós ajudasse na Saúde”.

Na sessão, era tratado o problema de ambulância no Heuro, de Cacoal, e os vereadores lembraram que o vizinho município de Pimenta Bueno tem quatro ambulâncias semi-UTI praticamente paradas nesse município.

 

sicoob credisul

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO