O Extra de Rondônia também foi valorizado pela entidade
O Extra de Rondônia também foi valorizado pela entidade

As Bodas de Prata da Ordem dos Ministros Evangélicos de Vilhena, que aconteceu no último dia 10, foi um dos momentos mais marcantes da entidade desde a fundação.

Segundo o presidente Pastor Genivaldo Santos, que visitou a redação do Extra de Rondônia na tarde desta quinta-feira, 21, a ocasião requereu um evento à altura, ocasião em que fé e participação ativa na vida comunitária foram o destaque. Antigos presidentes e fundadores da Ordem tiveram seus atos relembrados, com muitas homenagens, somando 52 pastores.

Além disso, instituições como a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, assim como a imprensa local, também foram agraciados com placa comemorativa. Finalizando, empresas e apoiadores da ORMEVI receberam destaque.

Genivaldo relatou que a criação da Ordem aconteceu em 1.988, por iniciativa do Pastor Adilson Araújo, primeiro presidente. “Na época se constatou que era preciso organização a fim de assegurar plenamente os direitos dos evangélicos e da comunidade em geral, assim como manter limpa a imagem dos cristãos.

A Ormevi surgiu como entidade jurídica apropriada para a interação entre as lideranças religiosas e o poder público, assim como com a sociedade de forma mais ampla”, ressaltou. A Ordem também cumpre importante papel nas relações entre políticos e as igrejas, evitando vínculos que podem dar margem a dúvidas. “Não fazemos política nas igrejas, mas não podemos ficar alheios ao processo, pois somos cristãos, porém cidadãos”, disse Genivaldo.

A festa comemorativa aconteceu na Igreja Batista Manancial, com participação do Pastor Lud Rosa, de Ribeirão Preto, que lançou seu 5° CD no evento.

Fonte – Extra de Rondônia

Texto – Da Redação

Foto – Extra de Rondônia

 


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO