extra vecA maioria dos jogadores do Vilhena Esporte Club (VEC) estão fazendo greve reivindicando os salários atrasados e não viajam com o clube para o primeiro duelo da final do campeonato Rondoniense 2015.

Segundo o presidente José Carlos Dalanhol, popular “Gaúcho do Milho”, os atletas estão sem receber devido à falta de repasse do governo e da prefeitura.

“A gente não tem dinheiro nem para pagar a viagem e eles estão em greve e comendo de graça as custas da diretoria”, desabafou Gaúcho.

A diretoria confirmou a ida de somente dez jogadores para a disputa do primeiro confronto da final, neste sábado, 27, no Aluísio Ferreira, contra o Genus, em Porto Velho.

Os atletas, Salatiel, Rai, Flávio, Lucas, Vinícius, Diego Siqueira, Carlinhos, entre outros, estão alojados na casa do presidente Gaúcho e falaram ao Extra de Rondônia que só estão buscando seus direitos (alguns três meses de salários atrasados), para deixar o clube e voltar para suas cidades.

O time que embarca com o técnico Marcos Birigui treinou ontem a tarde no Portal da Amazônia. São eles: Naldo, Alex Barcelos, Cucaú, Marinho, Edilsinho, Souza, Cabixi, Tuquinha, Pablo e o goleiro Vagner, com treino hoje às 16 horas.

“Vamos com o que temos, se tiver dez jogadores eu vou com os dez, não vou abandonar o VEC”, falou Birigui. A diretoria confirmou a contratação de dois jogadores para desembarcar direto em Porto Velho para a final. A equipe embarca às 22h00 para a capital.

A diretoria clamou a colaboração do empresariado local para ajudar a levar o nome de Vilhena através do esporte mais uma vez numa competição nacional.

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO