PREFEITURA COLORADO EXTRA DE RONDONIA boaO Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE/RO) afastou a responsabilidade de má fé na acumulação de cargos do vigia Antônio Carlos Oliveira, que assumiu o cargo de Secretário Municipal de Saúde, de forma interina, em janeiro de 2010.

O órgão ministerial constatou a irregularidade. Porém, ao ser informado, Antônio devolveu o valor de R$ 510,00 aos cofres públicos quando instado a fazê-lo.

O relatório do TCE, divulgada no início desta semana no Diário Oficial, garante que “Antônio demonstrou boa fé, podendo ser afastada esta responsabilidade e dar-lhe quitação desse débito, na forma prevista no § 3º do art. 34 do Regimento Interno da Corte de Contas”.

Diferente que Antônio, a ex-primeira-dama de Colorado do Oeste, Soraia Alves Ferreira Pereira, ainda não devolveu o dinheiro público que recebeu irregularmente quando assumiu o cargo de Secretária Municipal de Trabalho e Assistência Social. O TCE/RO determinou o valor de R$ 84 mil.

Soraia acumulou o vencimento do cargo efetivo de Bioquímica ao subsídio de Secretária.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO