Foto: Divulgação

Com mais de 12 anos de existência a Associação Champions de Karatê comemorou mais uma conquista a aquisição de equipamentos esportivos através de repasse feito pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), de Vilhena.

A entidade foi uma das dez contempladas através de edital lançado pelo conselho, a apresentação dos materiais adquiridos aconteceu na manhã desta quarta-feira, 30 de junho, na sede da academia (localizada na Avenida Melvin Jhones, bairro Cristo Rei) e contou com a presença do presidente do CMDCA Genivaldo Santos.

Segundo o presidente do CMDCA, os repasses distribuídos as entidades contempladas variaram entre 80 a 25 mil reais, e permitirão o custeio de materiais para execução dos projetos qualificados pelo edital. “O CMDCA busca por meio de suas ações garantir os direitos das crianças e adolescentes, valorizando também os aspectos físico e social. Ao apoiamos entidades como a Champions promovemos mais educação, sendo que é notável nas escolas a mudança nas crianças e adolescentes que passam a ser melhores preparados,  sendo o reflexo positivo na sociedade”, afirmou.

Sensei e professor na associação Champions Flávio Gomes, salientou ser este a primeiro ano de convênio com CMDCA, e que todo o material adquirido será para o atendimento de crianças e adolescentes da associação. “Hoje contamos com 50 bolsistas, sendo que a demanda supera o número de bolsas ofertadas. O karatê muda vida, temos historias de alunos que estão conosco desde o início do projeto e que hoje se tornaram agentes transformadores de vida e exemplo para os que estão iniciando”, pontuou.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO