Queimada 728×90

 

assaltantes-preso-capaOs assaltantes foram presos na madruga deste sábado, 23, no bairro Bela Vista, em Vilhena. Segundo informações colhidas no local do fato pela reportagem do Extra de Rondônia, por volta das 01h20, dois elementos chegaram a uma lanchonete localizada na Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, entrou no comércio, um deles armado com revólver da marca taurus calibre 32, o outro com a mão embaixo da blusa, simulando também estar armado, anunciaram o assalto.

Os marginais colocaram os funcionários e clientes do estabelecimento na cozinha e sob forte ameaça ordenaram que entregassem o dinheiro, o proprietário falou para os ladrões que não havia dinheiro no caixa, pois um funcionário já havia saído e levado embora.

Inconformados com a negativa que não havia dinheiro, os bandidos passaram a pegar os pertences das pessoas, em seguida empreenderam fuga numa moto Honda CG 150.

As vítimas entraram num carro Gol e perseguiram os meliantes pelas ruas e avenidas do bairro, quando ao chegar em frente a escola Dalila Donadon, alcançaram os marginais, com isso, jogaram o veículo em cima da moto, vindo a derruba-los, na queda um deles sofreu cortes na cabeça e escoriações pelo corpo, o outro ferimentos leves.

A Polícia Militar que já havia sido acionada chegou rapidamente ao local e deu voz de prisão a dupla e os levou para o Hospital Regional, onde passaram por procedimentos médicos, depois foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil e identificados como sendo Luiz Fernando dos Santos, 26 anos e Lucas Henrique de Jesus, 18 anos. Eles foram apresentados às autoridades de plantão para providências cabíveis.

assaltantes-preso-1

assaltantes-preso-2

assaltantes-preso-3

assaltantes-preeso-4

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Fotos: Carlos Franco

segurança – 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO