Queimada 728×90

 

Anderson do Singeperon está no Cone Sul para cumprir agenda/Foto: Extra de Rondônia

Na manhã desta sexta-feira, 12, o deputado estadual Anderson da Silva Pereira (PROS), conhecido por “Anderson do Singeperon”, visitou a redação do Extra de Rondônia, onde fez um breve relato sobre sua vinda ao Cone Sul.

O parlamentar ressalta que está em visita aos municípios do Cone Sul, desde a última quarta-feira, 10, e sua vinda é para cumprir agenda de compromissos de campanha e falar dos projetos que pretende desenvolver ao longo de seu mandato.

VILHENA

Para Vilhena o deputado relata que em conversa com seus apoiadores destinou emenda no valor R$ 250 mil – para atender as demandas na saúde e quatro escolas, sendo que falta definir com o gestor a melhor forma da aplicação dos recursos.

Colorado, Cabixi, Cerejeiras, Pimenteiras e Corumbiara, Anderson se reuniu com autoridades municipais e também com apoiadores onde foi definido projetos para futuras emendas e assim contribuir com a população dessas cidades.

AGENTES PENITENCIÁRIOS

O parlamentar conta que é oriundo da categoria e foi presidente do Sindicado por sete anos, e está tentando construir com o governador Marcos Rocha, um bom diálogo para que a categoria seja reconhecida, na questão salarial, estrutural e de carreira, sendo que a profissão de Agente Penitenciário é considerada a segunda profissão mais perigosa do mundo. Por isso precisa de atenção especial, frisou.

O deputado afirma que o governador está disposto a atender a categoria, mas sem pressão de greve e sem movimento de paralisação.

QUEDA DE BRAÇO

Segundo Anderson, no auge da greve entrou com requerimento solicitando a inclusão na ordem do dia junto a Assembleia Legislativa (ALE) para suspender o decreto do governador quanto a alocar policiais militares para fazer a segurança dos presídios, mas o presidente Laerte Gomes (PSDB) negou o requerimento e disse que o projeto iria tramitar nas camisões pertinentes para analises constitucional de mérito.

O parlamentar ressalta que não existe mágoa quanto a esse assunto e que a polícia já saiu dos presídios e agora é uma questão de tempo para que o governador negocie com a categoria.

IMPEACHMENT

Sobre o pedido de impeachment de Marcos Rocha, Anderson disse que não teve acesso a denúncia, conhece os fatos que é notório, sendo um descumprimento da Constituição Estadual na nomeação dos presidentes de autarquias e que poderá ser lida em plenário na próxima semana e assim ser definido se abre processo ou arquiva a denúncia.

GRAMPO

A questão que o presidente da ALE Laerte Gomes teria dito que Anderson comentou que o governo estava tentando grampear os deputados para investigá-los, ele explica que falou na tribuna que em uma reunião com o governador, Marcos Rocha teria dito que a Assembleia estaria num prazo de seis meses tentando tirá-lo do mandato, e que respondeu ao governador que que tal fato não existia, mas que se tivesse algo de errado no governo, com toda a certeza os deputados iriam investigar, assim foi dito de forma pública e nega que tenha falado que o governador teria intenção de grampear os parlamentares.

Por fim, Anderson do Singeperon, reafirma o compromisso com o povo de Rondônia, principalmente do Cone Sul, no qual teve uma boa votação e vai trabalhar muito pará atender o anseio da comunidade.

O deputado sendo entrevistado pelo jornalista Orlando Caro/Foto: Extra de Rondônia

 

 

saude 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO