Aélcio da TV / Foto: Divulgação

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) rejeitou por unanimidade na quinta-feira 22, os embargos de declaração apresentados pela defesa do deputado Aélcio da TV, contra decisão da própria corte, que manteve a cassação do mandato do parlamentar por abusos dos meios de comunicação durante a eleição de 2018.

Com a nova decisão do TSE, o relator, ministro Luís Felipe Salomão deve determinar a execução da sentença, afastando Aélcio da TV da Assembleia.

Em meio às discussões do caso no TSE a defesa do parlamentar recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF), alegando descumprimento de decisões anteriores sobre liberdade de expressão. A ação também foi negada e agora ele apresentou novo recurso, mas sem efeito suspensivo. O suplente de Aélcio da TV é o ex-deputado Ribamar Araújo.

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO